Workshop “LEGO® 6 Bricks” junta mais um grupo animado no espaço atmosfera m

Workshop LEGO 6 Bricks

Workshop LEGO 6 Bricks

Realizou-se a 19 de fevereiro, no espaço atmosfera m, em Lisboa, o workshop “LEGO® 6 Bricks” com a presença de mais de uma dezena de profissionais da área da educação infantil. O encontro foi organizado pela JumpUp Learning.

A manhã foi dividida em dois blocos temáticos: um primeiro sobre a importância de brincar e de, nós próprios, enquanto adultos, estarmos conscientes da importância da componente lúdica no ensino, e um segundo de atividades práticas.

Os presentes tiveram a oportunidade de discutir e partilhar experiências e opiniões sobre a temática da educação infantil, debatida ao longo de todo o workshop.

Na Fundação LEGO existem, contudo, regras, como haver um propósito na brincadeira e um envolvimento do aluno, que tem de experimentar fazer tarefas e não apenas ouvir como se fazem, além de uma forte componente social (de interação com os outros).

No workshop “LEGO® 6 Bricks” as crianças podem exercitar a memória, praticar movimentos novos, explorar a sua criatividade e muito mais, tudo porque o sistema permite assimilar conteúdos e situações complexas, através de brincadeiras simples. O trabalho de equipa esteve sempre presente, bem como o já conhecido “desafio do pato” que pretende mostrar o poder das mãos, do mexer e do construir para revisitar novamente o poder de ser criança. A atividade do pato é simples. É uma maneira rápida e poderosa de exercitar o cérebro para pensar de forma mais ágil e, claro, aprender.

Brevemente partilhamos alguns testemunhos do workshop de 19 de fevereiro que, acreditamos, o vão inspirar a experimentar fazer um workshop “LEGO® 6 Bricks”. Para ter um workshop LEGO 6 Bricks na sua escola siga este link.

O workshop é repleto de divertidos momentos de trabalho em grupo

O workshop é repleto de divertidos momentos de trabalho em grupo

Beta-i acolhe formação da FIRST LEGO League

A FLL e FLL Jr inspiraram mais um workshop. Desta vez, Noah Revoy e Ana Raquel Silva, os rostos portugueses da FIRST LEGO® League, estiveram na Beta-i, em Lisboa, a 11 de novembro, a ministrar um workshop hands on sobre a FIRST LEGO League e a sua variante para crianças ainda mais pequenas, dos 6 aos 9 anos. O workshop dirigiu-se a cerca de 20 candidatos, dos mais variantes quadrantes educativos, desde educadores, professores a responsáveis na área da educação, interessados em liderarem equipas do desafio que pretende incentivar as crianças para o estudo das ciências, engenharias e tecnologias.

A FIRST - For Inspiration and Recognition of Science and Technology - LEGO League é um programa interdisciplinar para jovens cujos desafios decorrem sempre num espírito de competição amigável e aprendizagem em que a entreajuda é o grande pilar do trabalho em equipa.

Para ajudar os professores a entenderem melhor esta ferramenta de ensino e os recursos que proporciona, Ana Raquel Silva demonstrou as vantagens, com dados quantitativos, da adoção da FLL nas escolas ou clubes de robótica. Já Noah Revoy acredita que, com algum treino e vontade, qualquer um pode ajudar as crianças a evidenciar os seus maiores talentos nas áreas de CTEAM – Ciências, Tecnologia, Engenharia, Artes e Matemática.

Sendo este um workshop prático, os presentes tiverem oportunidade de experimentar a expressão através da construção de bonecos e modelos LEGO, além de cumprirem o internacionalmente conhecido “desafio do pato”. Perante as múltiplas respostas certas, perceberam que a criatividade, memória, atenção, auto-regulação, imaginação e habilidades espaciais são utilizadas num trabalho muito simples.

O objetivo do "desafio do pato" é mostrar o caminho a seguir, mais do que falar sobre como fazer. Os kits do pato, compostos por 6 peças, foram oferecidos pela ARABOT HI-FI, Lda, Distribuidor Oficial da LEGO Education (www.portugal-didactico.com).

Aquele que é considerado o melhor método do mundo para ensinar conceitos de robótica e programação às crianças e jovens começou, na sua vertente Júnior, em 2005 e está a ser implementado este ano em Portugal. O tema de 2017 é o “Aqua Adventure” e desafia os alunos a explorar a localização, uso, armazenamento e ciclo da água. O desafio final passa pelo “Show Me A Poster”, pela apresentação do modelo e, claro, sempre com os valores da FLL presentes como o Profissionalismo Gracioso®, o respeito, a descoberta e a partilha.

Já na FIRST LEGO League para jovens dos 9 aos 16 anos, o desafio anual passa pela construção de um robô capaz de cumprir determinadas missões. Este ano o tema também implica explorar a localização, uso, armazenamento e ciclo da água sob o tema “Hydro Dynamics”.

A FIRST Global foi fundada por Dean Kamen em 2016 como uma expansão da Fundação FIRST, uma organização com objetivos semelhantes, na qual se integram a FIRST LEGO League e a FIRST LEGO League Junior.