Projeto internacional para despertar a criatividade e cidadania nos alunos

A FIRST - For Inspiration and Recognition of Science and Technology - LEGO League é um programa para jovens dos 9 aos 16 anos, que pretende entusiasmá-los para as ciências, engenharias e tecnologias. Os desafios são sempre num espírito de competição amigável e aprendizagem em que a entreajuda é o grande pilar do trabalho em equipa.

Apesar de não ser necessária formação na área, na FIRST LEGO League as crianças são desafiadas a pensar como cientistas e engenheiros, criando soluções para problemas do quotidiano e competências para o mundo do trabalho, enquanto brincam com peças de LEGO.

O inventor e empreendedor americano Dean Kamen foi o criador da FIRST, uma organização sem fins lucrativos, que tem por missão inspirar os mais jovens para as áreas das ciências ao mesmo tempo que os ajuda a utilizarem o raciocínio lógico e soluções para desafios reais do dia-a-dia.

No decorrer de um ano, as equipas cumprem as missões de robótica, determinadas internacionalmente, e fazem o projeto. Os valores da FLL estão sempre presentes na forma como as equipas desenvolvem o trabalho.

Pode receber na sua região um torneio da First Lego League.

Pode receber na sua região um torneio da First Lego League.

Em 2016 realizou-se a 12.º edição do torneio português, que juntou, no Instituto Superior Técnico - Campus TagusPark, em Porto Salvo, Oeiras cerca de 200 alunos e meia centena de voluntários. Durante o ano juntámos mais de 260 jovens em dezenas de eventos nas escolas. Desde de 2004 já participaram em encontros, eventos, workshops e torneios organizados pelos FLL operational partners em Portugal, mais de 60.000 crianças e jovens ficando comprovado o incremento dos pontos fortes dos concorrentes e as suas capacidades de socialização.

"Os meus filhos aprenderam a fazer gestão do tempo e de projetos, ganharam capacidade de negociação e liderança, uma mentalidade voltada para a inovação, controlo de stresse e como ser flexível e mudar estratégias quando algo não corre como previsto. Na competição com outras equipas, partilharam expectativas, sucessos e histórias divertidas que, às vezes, levaram a contactos e resultaram em laços que duraram anos. As competições FLL ajudam-nos a crescerem mais confiantes, sem se darem conta disso. No ano passado, também ajudei a orientar o meu filho mais novo e sua equipa recém-criada. Como mentores temos mesmo que dizer o que não se pode fazer, o que não é opção. Para um adulto estes comportamentos não são facilmente equilibrados com o papel de pai ou mãe mas foi muito divertido e estou ansiosa para fazê-lo novamente", afirma Alexandra Barroso, mãe de Guilherme Beirão, atualmente engenheiro, e um dos alunos mais ativos na FLL.

A competição culmina no torneio Internacional, que envolve os vencedores dos torneios nacionais até 80 equipas no total. "Desde a nossa estreia no FIRST LEGO League, os nossos alunos nunca mais pararam de construir robôs. Como o tema muda todos os anos, eles têm vindo a melhorar as suas habilidades nas mais diversas áreas e estão sempre a aprender mais.
Este também é um grande desafio para mim, enquanto treinador, porque as nossas equipas só trabalham depois das aulas e dividem-se em vários grupos. Quando juntamos 20 ou 30 crianças temos que usar todos os meios de comunicação possíveis para acompanhar o trabalho de cada um (Facebook, E-mail, Blogues, etc). Todos os anos os alunos querem participar no torneio nacional e os que não podem integrar as equipas, por limitações de idade, geralmente ajudam como voluntários. É sempre um grande dia e uma experiência inesquecível!"
Professor Lúcio Botelho


A FIRST LEGO League faz a diferença na vida dos participantes

"Being on a FIRST LEGO League team changed my life. Now, working as an engineer I still apply the lessons that I learned there as a child." Guilherme Beirão, Enginer

"Tenho três filhos e nos últimos 12 anos todos eles pertenceram a diferentes equipas da FLL. Eu vi-os a divertirem-se a estudarem matemática e ciência para os projetos e robôs, mas também a desenvolverem importantes habilidades para a vida, como a gestão do tempo e de projetos, negociação e capacidade de liderança." Alexandra Barroso, mãe do Guilherme Beirão, na foto.

"Using the FIRST LEGO League in the classroom has a real impact on my students. They become more interested in learning and all their notes improve. The benefits can even been seen with students who have special learning challenges." Paulo Torcato, Teacher

"Como o tema muda todos os anos, eles têm vindo a melhorar as suas habilidades nas mais diversas áreas e estão sempre a aprender mais. Todos os anos os alunos querem participar no torneio nacional e os que não podem integrar as equipas, por limitações de idade, geralmente ajudam como voluntários. É sempre um grande dia e uma experiência inesquecível!" Professor Lúcio Botelho

"All three of my children have participated in the FIRST LEGO League. Its made a very positive impact on their lives and helped them gain confidance and life skills." - Name goes here, mother

"Ter participado na FIRST LEGO League com uma equipa mudou-me a vida. Ainda hoje a trabalhar como engenheiro, aplico competências essenciais no meu dia-a-dia que aprendi quando era criança e jovem na FLL." Guilherme Beirão, Engenheiro



Porque devem as autarquias, freguesias e Comunidades Intermunicipais participar?

O benefício mais evidente da participação na FLL é o reconhecimento de que os alunos da sua região adquiriram importantes habilidades motoras, uma diferente capacidade de raciocínio e abordagem aos problemas matemáticos, além de desenvolverem a criatividade, já que o tema de cada ano os incentiva a pensarem "fora da caixa" e considerarem múltiplas possibilidades. Em 2016 a FIRST LEGO League desafiou as crianças a pensarem em "Animal Allies" como cientistas e engenheiros, construindo soluções e programando um robô para resolver os problemas que existem na interação entre humanos e animais. Quem não quer estar com os melhores?

Outra vantagem da FLL implementada localmente, passa pela oportunidade de reintegração no mercado ativo de trabalho de professores sem colocação neste ano letivo ou funcionários das autarquias e freguesias. A experiência e o conhecimento que todos ganham nesta aventura, permite criar laços de amizade, aumentar a criatividade e confiança, além de tornar os jovens cidadãos mais conscientes de que a mudança começa neles próprios.


Traga a FLL para a sua região

O programa anual da FIRST ® culmina, em Portugal, num desafio que, em 2017, se vai realizar a 27 de maio no Instituto Superior Técnico - Campus TagusPark, em Porto Salvo, Oeiras. Para que as autarquias ou freguesias possam participar, é necessária a criação de uma equipa e a aquisição do kit LEGO ® MINDSTORMS ® ou a disponibilização de um espaço onde os alunos, pais, professores e encarregados de educação, formados por profissionais da FLL, possam treinar as suas equipas, com o apoio do município. No final, atribuímos troféus às equipas apuradas para o torneio nacional. 

Se apenas pretender cumprir com o programa anual ou realizar pequenos torneios locais, ao juntar-se à FLL vai despertar nos jovens da sua comunidade o entusiasmo pela descoberta, pela ciência, tecnologia e pelo empreendedorismo. As sessões são sempre acompanhadas por um treinador. 

Quer saber como ter a FLL na sua região? Facilmente chegamos até si, por isso, preencha o formulário abaixo e faça-nos perguntas.


Por favor preencha o formulário para dar início ao seu processo de participação na FIRST LEGO League. Os dados que nos facultar são confidenciais e usados apenas para este fim.

Campos de preenchimento obrigatório
Nome *
Nome
Campos opcionais

Siga-nos no Facebook e no Twitter.